Aplicado, Fluminense vence com ‘inovação’ de Marcão e avança rumo à classificação para a Libertadores – Notícias do Fluminense

Em outro confronto direto, o +Fluminense não foi brilhante+, mas ele fez seu dever de casa e conquistou três pontos importantes. Contra uma equipe classificada como Internacional, o gol praticamente na primeira jogada mudou o cenário do jogo. O Tricolor optou pelos contra-ataques, soube sofrer e se distanciou dos rivais na luta por uma vaga na Libertadores.

Pela distribuição tática, a estratégia do Internacional foi aproveitar os contra-ataques e jogadas aéreas. Os donos da casa, no entanto, inverteram essa lógica ao receber um pênalti nos três minutos de jogo. Fred, com sua frieza peculiar, abriu o placar e levou a multidão à loucura.

Com a vantagem, Marcão sabia que o Colorado viria com tudo para atacar e decidiu retirar as linhas e explorar o que o Fluminense tem a oferecer. As jogadas nas alas com Luiz Henrique e Caio Paulista. Essa estratégia, porém, não funcionou bem no primeiro tempo, sendo que a equipe só teve duas chances após o gol.

++ Verificar e simular a tabela do Campeonato Brasileiro

Um fator positivo foi o sistema defensivo, que mais uma vez teve um desempenho quase perfeito. Muita marcação dos meio-campistas, e os zagueiros souberam conter o ímpeto dos gaúchos. Quando a bola foi em direção ao gol, foi a vez de Marcos Felipe fazer aquela que talvez tenha sido uma das grandes defesas do campeonato. O cabeceamento de Víctor Cuesta foi para o ângulo, mas o guarda-redes tricolor teve ímpeto e salvou o que teria sido um empate.

Naquele momento decisivo, era preciso sair com os três pontos do Maracanã e tudo era baseado na transpiração. Até o meio-campo improvisado resultou em uma boa surpresa em uma noite triunfante, com atuações de destaque de Calegari (que atuou no setor de base) e Wellington. Yago Felipe, como meio-campista, foi eleito o melhor em campo entre as equipes. Assim, Marcão conquistou mais uma opção entre os volantes em um momento delicado para o físico dos jogadores.

++ DESEMPENHO: Fred decide e Marcos Felipe faz grande defesa na vitória do Fluminense sobre o Internacional

Na etapa final, Caio Paulista tinha um imóvel para explorar. Espaços dados pela defesa do Colorado, que não foram utilizados pelo atacante. Ele não tinha a tomada de decisão certa para expandir o placar. O Fred, por outro lado, manteve o bom posicionamento de sempre, mas deixou a desejar em termos de tempo, facto que foi corrigido após a entrada de Jhon Arias e Raúl Bobadilla.

O La Tricolor também poderia ter feito a segunda com Luccas Claro, que não deu cabeçada. Mas faltou ser mais eficiente para evitar asfixia. No final das contas, o clima esquentou e a torcida deu uma verdadeira demonstração de apoio ao time. Faltam três dias, dois deles fora de casa, o que só destaca a importância desses seis pontos conquistados no Maracanã.

++ Marcão comemora vitória do Fluminense e dá sua opinião sobre a música do público: ‘Nós pregamos respeito’

A tarefa será dura contra o Atlético-MG, que pode confirmar o título após 50 anos. Mas ao somar quatro pontos à frente do Internacional e ingressar no G6, o Fluminense sai forte nesta reta final e fecha a campanha contra o rebaixado Chapecoense. Em uma temporada que foi praticamente modificada na outra, garantir uma vaga na segunda Libertadores consecutiva será uma mais-valia para ter mais tranquilidade, renda em 2022 e colocar um sorriso no rosto da torcida.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja mais notícias relacionadas