Após 0: 2: Modeste dá ao Colônia um ponto no clássico contra o Leverkusen

Anthony Modeste salvou o 1. FC Köln da quarta derrota consecutiva no derby com uma dobradinha tardia. Depois de um aumento significativo no desempenho no segundo tempo, o Colônia venceu o Bayer Leverkusen por 2 a 2 (0 a 2) uma semana após o goleiro de 0 a 5 no Hoffenheim, após uma desvantagem de dois gols. Como resultado, o FC subiu para o oitavo lugar, o Leverkusen não conseguiu acompanhar o grupo da frente.

Patrik Schick (15º) colocou os convidados na liderança. Karim Bellarabi (17º), que teve de ser substituído aos 36 minutos devido a uma lesão, aumentou apenas 100 segundos depois com o seu primeiro golo da temporada numa fase urgente para o Werkself. Modeste (63/83) deixou o estádio de Colônia em um frenesi de alegria.

“Nossa direção não vai mudar. Queremos atacar na frente”, anunciou o técnico do FC, Steffen Baumgart, para quem o capitão Jonas Hector estava de volta ao time titular, antes do derby.

No início, apenas o Bayer atacava na frente, o Colônia tinha enormes problemas entre as correntes e no jogo de troca. O goleiro do Colônia, Timo Horn, segurou o primeiro chute de Schick com segurança (4º). A segunda tentativa foi feita pelo ex-Colônia Florian Wirtz, que foi acompanhado de um show de apito a cada vez que a bola batia, ao lado do gol (7º).

Em contraste com o 1-1 de quinta-feira na Liga Europa, no Betis Sevilla, o Leverkusen converteu sua clara superioridade em gols logo no início. Primeiro, após um belo passe para o extremo Moussa Diaby, Schick cuspiu a bola para longe de Horn. Então, dois minutos depois, a bola caiu na frente dos pés de Bellarabi, que marcou de perto. O novamente conspícuo Jeremie Frimpong apenas acertou a barra (25º).

O ânimo entre os adeptos do FC tornou-se mais inquieto, com perdas de bola e passes errados e um murmúrio irritado percorreu o estádio várias vezes. A primeira ação um tanto perigosa na grande área adversária foi realizada por Hector, que falhou devido ao habitual capitão soberano da Bayer, Lukas Hradecky (33º). Quase em troca, um contra-ataque deveria significar a decisão preliminar precoce, mas Schick negligentemente jogou a bola para fora em excesso.

Após o intervalo, o Colônia sofreu contra-ataques rápidos do Leverkusen, Horn estava na penalidade contra Wirtz (62º). Em seguida, Modeste, totalmente livre, voltou a criar tensão no segundo poste, liberou novas forças para a fase final e voltou a marcar.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *