‘Chego ao Fluminense com a convicção de que temos tudo para competir e conquistar títulos’, diz Willian Bigode – Notícias do Fluminense

O atacante Willian Bigode não escondeu seu otimismo ao iniciar a carreira no +fluminense. Em entrevista coletiva concedida após sua apresentação nesta sexta-feira (14), o jogador de 35 anos elogiou o fato de chegar a um clube bastante competitivo.

– Acho que por onde passei encontrei grupos de qualidade, competitivos, unidos. Quando cheguei ao Fluminense, sabia da disputa saudável, do ambiente familiar. Venho aqui com a convicção de que temos tudo para competir e conquistar títulos. Claro, as outras equipes também estão se preparando para tentar vencer. Mas o Fluminense está construindo esse grupo, eles têm muita ambição, o treinamento tem sido muito forte… – disse.

Sobre a proximidade da disputa da Copa Libertadores, explicou Willian.

– Vamos nos concentrar em milionários. Temos que fazer grandes jogos. É um longo caminho, mas com o objetivo de sempre vencer. É objetivo de todo atleta deixar seu nome na história do clube. – ele declarou.

O atleta disse ainda que conversou com o técnico Abel Braga sobre sua forma de jogar.

– Nós sempre conversamos. É normal quando você chega ao clube ter esse diálogo com o treinador. Ele também já conhece minhas características, já jogou muito contra (risos), e eu tenho aquela posição que mais gosto de jogar. E ele também sabe que pode contar comigo em outras posições: segundo atacante, jogando por dentro, flutuando… – e corrigiu:

– E, sim, a posição que eu gosto (mais) é com mais liberdade na frente, já falamos sobre isso – concluiu.

O atacante falou sobre o trabalho com Fred e a mistura que os tricolores vêm fazendo no elenco.

– Venho aprender com o Fred, que é um jogador com uma bela história aqui, um grande vencedor, com todo seu potencial, sua experiência. Também viemos aqui para aprender muito com ele, para poder somar, e junto com esses garotos, que têm um potencial enorme, com muita qualidade. Acredito que essa mistura é muito importante, um completando o outro em campo, formando um grupo muito competitivo – disse.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja mais notícias relacionadas