É hora de Riqui Puig, do Barcelona, ​​aceitar o inevitável, já que Mourinho vem ligar

Aos 22 anos de idade e ainda para se estabelecer totalmente na primeira equipe do Barcelona, ​​Riqui Puig precisa enfrentar rapidamente o inevitável.

O meio-campista central disputou pouco mais de 40 partidas pela equipe principal do clube, por transferência, mas essas partidas foram distribuídas ao longo de quatro temporadas e Puig raramente completou 90 minutos.

Não é como se a realidade não tivesse sido explicada ao jogador também.

MARCA observou o desejo de Ronald Koeman de vender o jogador no início do ano, e acredita que a relação entre os dois é, na melhor das hipóteses, gelada.

Além disso, três gerentes diferentes não podem estar errados, com Quique Setien e Ernesto Valverde também não dependendo muito de Puig.

MAIS: Declaração de Mo Salah de Gary Neville

A força de caráter de Puig é louvável, pois ele claramente deseja ter sucesso no Barcelona e provar que todos estão errados.

Riqui Puig

No entanto, chega um ponto em que ele tem que aceitar que, a menos que saia, ficará estagnado e uma carreira promissora irá por água abaixo.

Pode haver ajuda em mãos, com o Sport observando que José Mourinho quer contratá-lo por empréstimo em janeiro.

Se o status quo permanecer o mesmo até lá, um novo começo na Roma pode ser exatamente o que ele precisa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja mais notícias relacionadas