Marcos Felipe comenta sua relação com a torcida e a reta final do Fluminense no Brasileiro: ‘Faremos o nosso melhor’ – Notícias do Fluminense

Destaque na última quarta-feira, Marcos Felipe brilhou na vitória sobre o Internacional. Em entrevista coletiva, o goleiro do +Fluminense Ele lembrou do desempenho da última rodada, e também comentou as críticas em relação à disputa de pênaltis durante a temporada. No entanto, ele afirmou que celebra o desempenho coletivo mais do que o desempenho individual.

– Foi uma defesa em que consegui ajudar a equipe em um momento em que estávamos sob pressão no jogo. Depois do gol que havíamos marcado, pude contribuir. Estou feliz, mais com o desempenho da equipe como um todo, do que com a minha defesa. Sou uma pequena porção que pode ajudar. Para quem ainda tem dúvidas sobre a minha qualidade e capacidade, respeito a opinião de todos. O que tenho que fazer é trabalhar. Ainda sou um jovem goleiro, tenho 25 anos, tenho muito a melhorar. Quanto aos pênaltis, trabalho todos os dias para tentar ajudar a equipe na hora do pênalti, estudo os rivais e procuro dar o meu melhor. Infelizmente, durante a temporada só consegui pegar um pênalti, mas tenho trabalhado para tentar melhorar – disse Marcos Felipe.

Marcos Felipe aproveitou para avaliar positivamente o trabalho da +molduras. Segundo o goleiro, o técnico mantém uma relação de parceria com o elenco, o que retribui a confiança depositada pelo técnico. Além disso, destacou que o relacionamento com os torcedores tem melhorado a cada jogo em casa.

– Em primeiro lugar, o Marcão é o ídolo do clube, então isso conta muito. Ele é um amigo, um parceiro, tem nos ajudado muito e sempre busca transmitir tudo o que aprendeu para que possamos atuar em campo. Quanto à multidão, [a relação] Está melhorando cada vez mais, estamos cada vez mais próximos e isso é muito bom. Reflexo disso foi o jogo de quarta-feira, em que os adeptos fizeram um jogo muito bonito. Acho que daqui para frente essa relação, que é muito importante, tende a melhorar. Espero cada vez mais fazer os fãs felizes.

A três jogos do final da temporada, o Fluminense luta por ele +classificação para a Libertadores Próximo ano. O goleiro tricolor mostrou confiança para os duelos decisivos e revelou que toda a equipe está focada em ter o melhor desempenho dentro das quatro linhas.

– A conversa que todos já tiveram é para jogar o melhor futebol. Sabemos que, do outro lado, existe um rival e um trabalho que vem sendo feito durante toda a temporada, por isso procuramos nos unir em campo para ajudar uns aos outros, para correr para o outro. Prova disso é que, na quarta-feira, estivemos na corrida e acabamos coroados de vitória. Lá, no domingo, não será diferente. O nosso lema é o Warrior Team e vamos lutar pelo nosso objetivo. Temos sempre que colocar o Fluminense na liderança da competição, onde ele precisa estar. Tanto no domingo quanto nos próximos dois jogos, vamos lutar para colocar o Fluminense onde ele merece.

Criticado pela torcida, Marcos Felipe disse não ter problemas com críticas negativas, mas ressalta que é preciso respeito. Recentemente, o goleiro respondeu aos torcedores nas redes sociais após ser criticado.

– Tento sempre respeitar os fãs porque eles têm todo o direito de exigir e querem que eu faça o melhor que puder. Tento não debater e ser o mais justo possível. Aceito críticas, mas prezo respeito. Todos nós temos que nos respeitar. Aceito críticas construtivas sem nenhum problema. Sempre respeitei e amei a torcida do Fluminense e acho que a torcida me respeita. Continue sendo meu carinho e amor por eles, não importa o que aconteça – disse ele.

+ Confira o ranking da Série A Brasileira

Prestes a enfrentar duas rodadas longe do Rio de Janeiro, contra Atlético-MG e Bahia, Marcos Felipe reconhece que o jogo sem domínio de campo é um desafio. Mesmo assim, o goleiro planejou o próximo duelo e disse que quer conquistar os três pontos.

– Sabemos que jogar fora de casa não é fácil. O rival tem torcida, embora esta não tenha, ficou a questão de conhecer o campo de jogo e seu estilo de jogo. Mas no domingo, vamos tentar propor o jogo, vamos dar o nosso máximo e vamos trabalhar para somar os três pontos no Mineirão – disse.

Apesar do bom desempenho contra times que lutam pela liderança da classificação do brasileiro, o Fluminense lutou para somar pontos em clubes que lutavam para rebaixamento. Porém, Marcos Felipe afirmou que o elenco não se prepara para as partidas de acordo com a localização dos adversários, mas sim tenta corrigir problemas internos.

– Respeitamos todos os adversários, não importa se eles estão em cima ou em baixo [na tabela]. Trabalhamos todos os dias pela vitória. Infelizmente, em alguns deles não saiu como esperávamos. Significa trabalhar cada vez mais, procurando onde podemos melhorar para ter um bom desempenho, tanto contra times que estão em alta ou em baixa. Ele está sempre procurando onde está o problema para que possamos resolvê-lo, principalmente nos últimos três jogos, que são decisivos para definir o futuro. Você está analisando tudo o que precisamos para atingir nosso objetivo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja mais notícias relacionadas