Sobis comenta o desejo de levar uma vida normal depois do futebol: ‘sentar em um bar sem ser insultado’ – Notícias do Cruzeiro

O atacante Rafael Sobis se despede do futebol. Seu último jogo da carreira, contra o Náutico, marca o fim de uma carreira vitoriosa. Mas engana-se quem pensa que o jogador está melancólico com o fim do tempo em campo.

Sobis disse que tem alguns planos, como andar de motocicleta na Rota 66, que atravessa os Estados Unidos e fez sucesso entre os amantes de motocicletas no filme “No Destiny”, de 1967. Bar, sem ser assediado pela torcida por ser atleta. .

Somando as duas passagens pelo Cruzeiro, o atacante soma 176 jogos pelo Raposa, sendo 41 nesta temporada, com 37 gols no total. Seu contrato vai até o final de 2021 e com o risco de cair para a Série C, Sobis decidiu antecipar sua aposentadoria.

Desde que voltou ao Cruzeiro em 2020, Sobis tem contribuído dentro e fora de campo, mas este ano perdeu espaço na equipe mandante, passando a maior parte do tempo no banco.

A estreia do atacante na Raposa foi de 2016 a 2018, quando conquistou duas Copas do Brasil (2017 e 2018) e o Campeonato Mineiro de 2018 pelo clube.

Rafael Sobis tem passagens vitoriosas pelo Internacional, clube que o revelou, conquistando duas Copas Libertadores (2006 e 2010) e três Campeonatos Gaúchos (2004, 2005 e 2011).

No Fluminense, conquistou o Campeonato Brasileiro em 2012 e o Campeonato Carioca, no mesmo ano. Ele também trabalhou no México. No Tigres conquistou o Campeonato Mexicano 2015 – Apertura e por fim, com o Ceará, conquistou a 202 Copa do Nordeste

Sobis está prestes a ter uma “vida normal” fora do futebol (Bruno Haddad / Cruzeiro)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja mais notícias relacionadas