Um personagem chamado Daniel Piquerez: TRAZER! passar o dia em Montevidéu com o pai do ala palmeirense – Notícias do Palmeiras

A cobertura de um evento da magnitude de uma final única da Libertadores em outro país tem suas peculiaridades, entre elas o encontro de personagens únicos, que rendem histórias inesquecíveis. Um deles é o uruguaio Daniel Piquerez, sim, pai de Joaquín Piquerez, lateral esquerdo do Palmeiras (matéria sobre +LANÇAR!) A reportagem passou um dia com essa “figura” em Montevidéu e descobriu como ele está gostando da “torcida” do Verdão.

+TABELA
> Lembre-se da tabela Libertadores-2021 clicando aqui

> Descubra o aplicativo de resultados LANCE!

+GALERIA
> Veja a opinião de 10 nomes do esporte sobre quem lidera a Libertadores

Desde antes de chegar à capital uruguaia a ideia era fazer material especial com o único jogador “local” do elenco do Alviverde, mas em contato com Daniel Piquerez, ele descobriu uma pessoa bem diferente da “normal”, que ele já se tornou quase uma celebridade com reportagens em outros veículos e entre palmeirenses, que o procuram nas redes sociais para conversar.

E já é possível dizer: ele está gostando muito de tudo. Em casa, mais precisamente em sua coleção particular de uniformes de futebol, víamos muitas peças verdes entre aquelas peças pretas e douradas do Peñarol, seu clube do coração. Entre as peças da alviverde, duas se destacam: o uniforme de jogo de Felipe Melo e Gustavo Gómez, que foi encomendado ao filho e entregue a tempo pelo casal, referência no elenco atual.

Quando ele está em São Paulo, morar com brasileiros é quase como um paulista, brincar com os funcionários do condomínio onde o Joaquín mora, ou com os palmeirenses da rua que estão em seus negócios na cidade, que vão desde restaurantes. para a resolução de questões mais burocráticas, tudo para que a criança não tenha preocupações fora do campo.

Não é de se estranhar que alguns amigos de Palmeira que ele fez no Brasil venham a Montevidéu para ver a decisão da Libertadores de ficar em casa. A identificação com o clube parece ser a melhor possível e a reclamação do +LANÇAR! Isso poderia ser vivenciado durante um “tour” pela capital uruguaia.

Ao ver um torcedor vestindo a camisa do Flamengo, o que é bastante comum, Daniel abriu a janela do carro e disparou em espanhol bem alto “Flamengo não! Você tem que torcer para o Palmeiras”. A torcida do Flamengo encarou o jogo com tranquilidade e riu do ocorrido.

Mais tarde, descendo a rua, encontramos um casal de palmeiras com a camisa do clube. Daniel então foi até os fãs e pediu que tirassem uma foto. Aí, brincando, perguntou se sabiam quem ele era, mas nem Marcelo Groba nem Pedro Fasano descobriram. Por precaução, pediram mais fotos, pois poderia ser uma famosa.

Depois que Daniel deu as pistas, os dois resolveram a charada e ficaram perplexos ao descobrir com quem estavam conversando naquele momento. Ambos, sem saber o que fazer, começaram a parabenizar o pai de Joaquín, elogiar o futebol do filho e entoar palavras “ordenadas” da torcida palmeirense.

E essa interação promete ser ainda maior nos próximos dias, pois Daniel revelou que vai querer se encontrar com grupos de palmeiras na cidade de Montevidéu. Então, se você encontrar um uruguaio empolgado com o jogo do alviverde, pode ser o pai de Piquerez.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja mais notícias relacionadas